quinta-feira, 11 de novembro de 2010

E as Estações Ferroviárias? Como Estão?

Recentemente escrevi neste blog sobre uma das maiores empresas fabricantes de locomotivas no século XIX e primeira metade do século XX, a Baldwin Locomotive Works. Volto ao assunto das ferrovias para um pequeno relatório do que tenho observado em termos de preservação das estações ferroviárias, pelo menos no que se refere ao Estado de São Paulo.
Como se sabe, as ferrovias foram privatizadas e, no momento, as sobreviventes são utilizadas para transporte de carga. Com isso, os antigos prédios das estações ferroviárias começaram a receber usos diferentes. Em alguns casos, o fato de esses edifícios serem tidos como patrimônio histórico foi levado em conta, mas em outros pode-se dizer que o abandono é total. Ainda assim, o conceito de patrimônio histórico nem sempre é bem compreendido. Há, por suposto, uma grande diferença entre restauração e reforma de um prédio. No primeiro caso, a conservação é feita segundo técnicas que estejam em conformidade com a edificação original; no segundo, tenta-se manter a aparência, sem muito cuidado em preservar as características primitivas. O resultado não poderia ser outro: com o uso de técnicas e materiais estranhos aos métodos de construção antigamente empregados, tem-se resultados algo esquisitos, embora bem intencionados.
Em linhas gerais, as estações têm sido usadas como centros culturais (felizmente, é o caso mais comum), ou para atividades comerciais, ou como depósitos, ou como moradia, ou ainda... como coisa nenhuma. Com tamanha "diversidade", como fazer um balanço da situação?
Leitor, para isso, você é o melhor juiz. Abaixo está um pequeno vídeo, com imagens de algumas das estações ferroviárias que visitei. Veja e forme sua opinião a respeito. Se você está lendo esta postagem em um leitor de feeds ou por e-mail, acesse: Estações Ferroviárias em São Paulo e Minas Gerais.


Para ler mais sobre este assunto, acesse:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Democraticamente, comentários e debates construtivos serão bem-recebidos. Participe!
Devido à natureza dos assuntos tratados neste blog, todos os comentários passarão, necessariamente, por moderação, antes que sejam publicados. Comentários de caráter preconceituoso, racista, sexista, etc. não serão aceitos. Entretanto, a discussão inteligente de ideias será sempre estimulada.