quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Frutas do Brasil Cultivadas em Portugal

As duas postagens anteriores trataram da introdução do cultivo de vegetais originários da Europa e/ou Ásia no Brasil. O caminho inverso foi, também, percorrido. Sabe-se que tanto exploradores a mando de Espanha quanto os de Portugal logo procuraram mostrar a seus respectivos senhores as espécies provenientes do Continente Americano que eram ainda desconhecidas em outras áreas do planeta. Algumas delas, de fato, revelaram-se passíveis de cultivo na Europa, pelo menos em algumas regiões. Há vegetais originários da América que, após a era dos descobrimentos, passaram a ter enorme importância na alimentação praticamente no mundo todo - tomate e batata são dois deles.
Vai aqui o registro de uma tentativa de cultivo de espécies frutíferas da América em Portugal, conforme se vê na Nobiliarchia Paulistana, de Pedro Taques de Almeida Paes Leme:
"Dona Isabel Pires Monteiro teve a sorte de ficar com os mesmos apelidos de sua terceira avó, a matrona Dona Inês Monteiro, porque lhe herdou em tudo a grandeza de ânimo, ardor da caridade, liberalidade e afabilidade. (...) Existe moradora na corte de Lisboa, onde fez construir depois do ano de 1757 uma nobre e famosa quinta, com magnífico palácio no sítio de Buenos Ayres, na qual tem excelente pomar até de frutas do Brasil."


Veja também:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Democraticamente, comentários e debates construtivos serão bem-recebidos. Participe!
Devido à natureza dos assuntos tratados neste blog, todos os comentários passarão, necessariamente, por moderação, antes que sejam publicados. Comentários de caráter preconceituoso, racista, sexista, etc. não serão aceitos. Entretanto, a discussão inteligente de ideias será sempre estimulada.